O nada

Padrão

Hoje é um daqueles típicos dias pós Natal: nada para fazer. Como já acontece há alguns anos, estou na casa da minha sogra. E tudo fica ainda mais diferente quando se tem um filho de um ano e pouco. Mas ele ainda dorme. O marido também. A sogra faz sei-lá-o-quê. E eu aqui. Sentada no sofá, vendo canais que não tenho na minha casa, com os pés para cima.

Vendo é modo de dizer. Desde que casei, há quase sete anos (já!), minhas rotinas são mais intensas, cheias de coisas para fazer, me preocupar, me ocupar. Bom, nem preciso dizer que isso se intensifica com a chegada de uma criança. Passei por vários canais, até com filmes que eu gostaria de rever, mas não consegui parar neles. Parei em um que mostra famílias no momento do nascimento dos filhos, mas estou aqui a digitar estes pensamentos no celular.

Não sei quando foi a ultima vez que assisti um filme. Uma vez que o Davi dormiu mais cedo, tentei e não consegui. Fiquei agoniada com a sensação de ficar ali, sentada, parada, sem fazer nada. Pior é que essa sensação se repete agora.

Pensei em lavar as roupas dele. Mas não vão secar assim que eu voltar para a casa da minha avó depois do almoço. Quis deixar as nossas coisas arrumadas para a hora de sair, mas ele está dormindo ainda. Pensei em ajudar com o almoço, mas a minha sogra esta fazendo outra coisa.

Sei que às vezes não fazer nada é bom. Mas quando se faz muito, é estranho não fazer nada. Sensação de improdutividade, de desperdício de tempo.

É… mal deu para ficar pensando nisso. Davi acordou.

PS.: Escrevi este texto no sábado e só hoje, terça-feira, é que consegui postar, adivinhem?, enquanto ele dorme.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s